O ano de 2016 será um ano de comemorações e lembranças para o Indianapolis Colts e seus torcedores, a começar pela aposentadoria de Peyton Manning, após sua segunda conquista de Super Bowl com o Denver Broncos.

Além de Manning, tem a indicação do treinador Tony Dungy (campeão do Super Bowl) e Marvin Harrison (wide receiver que jogou 13 temporadas pelos Colts) para o Hall da Fama, e o aniversário de dez anos da conquista do Super Bowl XLI, contra o Chicago Bears.

Embed from Getty Images

Marvin Harrison (esquerda) e Peyton Manning (direita) em jogo do Indianapolis Colts em 2005.

Por causa disso, os Colts anunciaram nesta segunda-feira, 11/07/2016, que o time campeão do Super Bowl XLI será homenageado em uma cerimônia que será realizada em seu estádio, o Lucas Oil Stadium, em 20 de novembro, no jogo de divisão contra o Tennessee Titans.

A homenagem será realizada durante o intervalo do jogo e contará com a presença dos dois únicos jogadores dos Colts que ainda estão no roster do time: Robert Mathis (LB) e Adam Vinatieri (K). Além dos jogadores, os Colts anunciaram que o general manager que montou o time campeão, Bill Polian, entrará em seu Ring of Honor.

Embed from Getty Images

Tony Dungy e os jogadores do Indianapolis Colts em comemoração do Super Bowl XLI.

Em março, Manning falou sobre uma possível reunião dos jogadores:

“O aniversário de 10 anos é muito emocionante. Espero que façamos alguma coisa, já que todos estamos bem separados. Aquele time de 2006 foi especial. Espero ansioso que haja uma reunião. Não importa se será o aniversário de 10, 15 ou 20 anos, eu estarei em todas. Posso garantir isso.”

Anúncios