O jogador de linha ofensiva do Philadelphia Eagles, Lane Johnson, recebeu punição de 10 jogos por violação do PED (Performance Enhancing Drugs). A PED é a utilização de substâncias proibidas pela NFL, utilizadas para aumento de desempenho dos atletas.

Segundo reportagem da Fox Sports, Johnson disse que tinha tomado um aminoácido permitido, mas que o teste apresentou uma substância proibida. Essa é a segunda suspensão do jogador, que também foi punido com quatro jogos pela mesma violação em 2014. Na época, o jogador também afirmou que havia tomado uma medicação com prescrição médica, sem checar com a equipe médica do Eagles.

De acordo com Ian Rapoport, insider do NFL Media, Johnson está apelando contra a decisão. Ainda segundo Rapoport, os Eagles já consideram a possibilidade de jogarem com Dennis Kelly ou o calouro Halapoulivaati Vaitai por mais da metade da temporada.

Lane Johnson recebe punição de 10 jogos por uso de substâncias proibidas pela NFL.

Com a punição, os Eagles perdem um jogador em ascensão, que permitiu que ajudou o time a ficar na segunda posição em em jardas conseguidas pelo lado exterior do ombro do right tackle, com 84 jardas conquistadas e ganho médio de 4.55 jardas por tentativa.

Em janeiro, Johnson havia assinado um contrato de seis anos com os Eagles, em um acordo de $66.1 milhões. Na temporada de 2015, Johnson foi titular nos 16 jogos disputados pelotime.

Anúncios