O corredor jamaicano, Usain Bolt, entrou para a história ao conseguir seu tri-campeonato em três competições na Rio 2016: 100m, 4 x 100m e em sua prova predileta, 200m. Bolt conquistou em três olimpíadas 9 medalhas de ouro, o chamado “triple-triple”, além da manutenção de sua invencibilidade.

Desde sua estreia em Pequim 2008, Bolt só perdeu para si mesmo, quando queimou uma largada em prova do campeonato mundial em 2011.

Embed from Getty Images

Usain Bolt, tri-campeão olímpico em três modalidades na Rio 2016.

Analista do Sunday Night Football, campeão do Super Bowl XLI e Hall da Fama, o ex-treinador Tony Dungy esteve no Rio, durante o último fim de semana e foi questionado por Dan Patrick, da NBC, se ele acredita que Bolt poderia crescer e sobreviver na NFL.

Dungy respondeu:

“Não sei se ele sobreviveria, mas ele assustaria muitas pessoas. Eu o usaria como wide receiver. Nós iríamos limpar uma das áreas do campo porque ele é muito explosivo e muito rápido. Seria muito bom vê-lo no campo.”

Embed from Getty Images

Tony Dungy, campeão do Super Bowl XLI, Hall da Fama e analista do Sunday Night Football.

Devido ao seu físico, 1.96 m de altura e 86 kg, Bolt teria as características adequadas para se tornar um efetivo alvo na red-zone, vencendo facilmente os defensores adversários. Será que o Raio se daria bem na NFL?

Anúncios