A segunda-feira, 10/10/2016, teve um Monday Night Football com muitos erros. Entre eles: fumbles, interceptações e field goals perdidos por ambos os times da NFC South. Após um primeiro tempo sofrível, o Tampa Bay Buccaneers venceu o Carolina Panthers por 17 a 14, graças a um field goal de Robert Aguayo, com apenas 3 segundos no relógio. O kicker calouro já havia errado dois chutes no jogo.

O lado positivo do jogo foram os 2 touchdowns de Cameron Artis-Payne (RB), além de um recorde estabelecido pelo tight end Greg Olsen, que recebeu 181 jardas, maior marca de sua carreira. Carolina sentiu muita falta de Cam Newton, seu quarterback titular. Em seu lugar, Derek Anderson até teve bom número de jardas, mas foi interceptado 2 vezes e não conectou nenhum touchdown.

Pelo Tampa Bay, o maior destaque positivo foi o running back Jacquizz Rodgers, que correu 101 jardas no jogo. Jameis Winston (QB) ainda conseguiu 219 jardas e um passe para touchdown.

Tudo pelo Futebol Americano - 2016-10-10 - NFL - Semana 05 - Monday Night Football - Estatísticas Panthers 14 x Buccaneers 17

Apesar do baixo nível técnico apresentado no primeiro tempo, os Buccaneers começaram bem o jogo. Uma campanha longa, com 15 jogadas e mais de 8 minutos de duração. Em combinação de jogadas curtas e um bom passe de Winston para o running back Alan Cross (17 jardas), o time conseguiu avançar até a linha de 17 jardas. Após três tentativas para renovar a primeira descida, Aguayo chutou 35 jardas para seu primeiro field goal no jogo (0-3).

O segundo quarto foi sofrível. Dava vontade de desligar a TV, assistir um filme ou até dormir. Principalmente, após o primeiro erro de Aguayo no jogo. Em campanha conseguida graças a um erro de Ted Ginn (WR), que após pedir um fair catch, soltou a bola (recuperada por Russell Shepard – WR), Aguayo errou uma tentativa de 33 jardas.

Na sequência, um segundo erro dos Panthers. Anderson foi interceptado por Daryl Smith (OLB). Dessa vez, os Buccaneers conseguiram capitalizar o erro do rival com o segundo field goal de Aguayo (0-6). Dessa vez, o kicker acertou o “Y” em chute de 35 jardas. O final do segundo quarto ainda guardou mais um erro de field goal. Dessa vez, Gano, kicker dos Panthers, errou um field goal de 43 jardas, com apenas 5 segundos para terminar o quarto.

Embed from Getty Images

Greg Olsen (TE- Carolina Panthers), que conseguiu superar sua melhor marca de jardas recebidas, sendo acompanhado por Daryl Smith (OLB - Tampa Bay Buccaneers), que conseguiu uma interceptação no jogo.

Apesar do jogo feio, tecnicamente falando, apresentado pelos dois times no primeiro tempo, a NFL mostra que vale a pena ter esperanças e não parar de assistir os jogos. O terceiro quarto foi bem interessante, com os Panthers virando o jogo logo em sua primeira campanha.

Após 11 jogadas, incluindo excelente passe de Anderson para Olsen (34 jardas), os Panthers conseguiram entrar na end zone com Artis-Payne em corrida de 1 jarda (7-6). Detalhe, a campanha só sobreviveu graças a um erro da defesa dos Bucs, que cometeram uma falta contra o punter, que lhe valeu a primeira descida.

Embed from Getty Images

Cameron Artis-Payne (RB-Carolina Panthers) pulando a defesa para seu primeiro touchdown no jogo.

Não demorou e os Panthers conseguiram mais um touchdown. Após forçarem um three and out, na sequência de seu primeiro TD, novamente Artis-Payne correu para end zone (14-6). O running back correu 12 jardas para conseguir seu segundo touchdown na noite.

Quando parecia que os Panthers iriam abrir vantagem e ganhar o jogo, os Buccaneers empataram o jogo em campanha muito rápida, com 4 jogadas em 1m36s. Depois de dois bons avanços, primeiro, uma corrida de 11 jardas de Rodgers e depois um passe de Winston para Brate de 37 jardas, Winston acertou seu segundo passe na campanha para o touchdown de 26 jardas de Evans. Na tentativa de conversão de dois pontos, mais um passe certo de Winston, que acertou o wide receiver Adam Humphries (14-14).

O último quarto voltou a cair tecnicamente. Muitas trocas de posse de bola, inclusive um erro de Anderson, que na linha de 1 jarda, tentou um passe para Olsen na end zone e acabou interceptado. Porém, após avançarem até a linha de 28 jardas do campo de ataque, os Buccaneers desperdiçaram a chance de liderar. Aguayo errou um field goal de 46 jardas, seu segundo erro na noite.

O jogo parecia se encaminhar para a prorrogação (Overtime), mas a última campanha dos Buccaneers foi decisiva. O time avançou até a linha de 20 jardas. Com toda a pressão nas costas, Aguayo se encaminhou para o field goal da vitória, ao acertar chute de 38 jardas (14-17).

Embed from Getty Images

Apesar de ter errado dois field goals no jogo, Robert Aguayo garantiu a vitória do Tampa Bay Buccanners.

Com o resultado, os Buccaneers conseguem sua segunda vitória na temporada, a segunda contra rivais de NFC South (venceram o Atlanta Falcons na semana 01). Enquanto isso, os Panthers amargam sua quarta derrota, sendo a segunda derrota para rivais de divisão (derrota para os Falcons na semana 04).

Anúncios