No color rush do Thursday Night Football da semana 06, o San Diego Chargers se aproveita das faltas do Denver Broncos e consegue sua primeira vitória desde a semana 02, ao bater o rival de AFC West por 21 a 13. Outra curiosidade é que em três das quatro derrotas, os Chargers permitiram a virada dos adversários dentro do 2-minute warning.

Apesar de amplo domínio no relógio, os Chargers não conseguiram aproveitar bem as posses de bola, conseguindo apenas um touchdown e 4 field goals. Enquanto isso, os Broncos cometeram 12 faltas, que resultaram em perda de 103 jardas, perda de um touchdown de C.J. Anderson (RB) e um safety a favor dos Chargers. Além das faltas, Denver ainda sofreu dois fumbles, que facilitou a vitória de San Diego.

Estatísticas

estatisticas-2016-10-13-nfl-semana-06-thursday-night-football-chargers-21-x-broncos-13

Individualmente, mais um bom jogo de Philip Rivers, que ultrapassou Dan Fouts, e se tornou o líder de jardas em passe na história da franquia, com 43.094 jardas, em 11 temporadas. Fouts conseguiu 43.040 jardas em 15 temporadas. Além de Rivers, o running back Melvin Gordon e o tight end Hunter Henry se destacaram em jardas corridas e recebidas.

O retorno de Trevor Siemian não teve o efeito esperado para os Broncos e o quarterback não conseguiu tomar conta do jogo. Os running backs Devontae Booker e C.J. Anderson correram 84 jardas. O ponto forte do time, a defesa, não conseguiu pressionar Rivers, conseguindo apenas 2 sacks na partida. Além disso, Denver não teve o head coach Gary Kubiak em campo devido a problemas de saúde.

Jogo

Os Chargers começaram o jogo anotando um touchdown na primeira posse de bola do jogo. Em longa campanha (12 jogadas em 7 minutos), o time avançou até a linha de 5 jardas, principalmente, por causa de dois passes de Rivers: 18 jardas para Williams e 27 jardas para Henry. Na sequência, mais um passe para Henry, que dentro da end zone anotou um touchdown de 5 jardas (7-0).

Embed from Getty Images

O tight end Hunter Henry recebendo passe de Philip Rivers para touchdown.

No início do segundo quarto, outra campanha longa. Agora, os Chargers conseguiram a maior campanha da temporada 2016, entre todos os times da NFL: 18 jogadas em 10m03s. Porém, a campanha terminou com o primeiro field goal  (37 jardas) de Lambo no jogo (10-0). Porém, antes de acabar o quarto, durante um punt dos Broncos, o retornador de San Diego cometeu um erro (muff). A bola bateu em sua perna e foi recuperada por Will Parks (DB) na linha de 11 jardas. Como não conseguiram uma primeira descida, McManus converteu sua primeira tentativa field goal no jogo (10-3).

Durante o terceiro quarto, os Chargers conseguiram anotar três field goals seguidos. Primeiro, Lambo acertou o chute de 21 jardas (13-3). O segundo, veio após fumble forçado em Siemian na linha de 36 jardas do campo de defesa de Denver. Sem conseguir a primeira descida, Lambo acertou mais um FG (31 jardas), seu terceiro no jogo (16-3). O terceiro FG foi em chute de 32 jardas (19-3).

Logo no início do último quarto, os Broncos cometeram uma falta dentro de sua end zone, que implicou em Safety a favor de San Diego (21-3). Russell Okung (T) cometeu o holding do time de ataque. Porém, durante a devolução da posse para os Chargers (após o safety, o time que tinha a posse de bola deve devolver ao adversário), Kenny Wiggins (OG) comete um muff, ou seja, fumble, que foi recuperado por Shiloh Keo (DB) dos Broncos. Ao final da campanha, touchdown de Denver, em passe de 5 jardas de Siemian para Bennie Fowler (WR) dentro da end zone (21-10).

Embed from Getty Images

Bennie Fowler (WR) anotando o único touchdown do Denver Broncos, em passe de Trevor Siemian (QB).

Com apenas 2m36s no relógio, McManus consegui anotar um field goal de 46 jardas (21-13), dando esperanças aos Broncos. O time foi para onside kick e deu certo! O desespero tomou conta de Rivers e do treinador Mike McCoy, que estavam visivelmente emocionados.

Seria essa, mais uma derrota dos Chargers no fim do jogo?! A resposta foi não. A defesa de San Diego se comportou muito bem e conseguiu segurar sua segunda vitória na temporada.

O resultado cria esperanças para os Chargers, que agora estão 2-4, duas vitórias atrás dos Broncos, que têm 4-2. O Oakland Raiders agradece o resultado e segue na  liderança da AFC West.

Anúncios