Mais um jogo equilibrado nos playoffs da NFL! Mas, diferente de Dallas Cowboys e Green Bay Packers, Kansas City Chiefs e Pittsburgh Steelers fizeram um jogo de longos avanços, mas poucos touchdowns.

Os Chiefs até conseguiram anotar dois touchdowns, mas os seis field goals dos Steelers foram suficientes para a vitória por 18 a 16.

Estatísticas

Apesar do equilíbrio no placar, os Steelers conseguiram ter mais posse de bola (34m13s contra 25m47s), mais first downs (20 contra 16) e maior avanço em jardas, 389 (171 em corridas e 218 em passe) contra 227 (61 em corridas e 166 em passes). Faltou melhorar a precisão na red zone, chegando por 4 vezes sem conseguir um touchdown (0% de eficiência).

O jogo foi dominado por Le’Veon Bell que, sozinho, produziu mais jardas terrestres que o ataque aéreo dos Chiefs e por Chris Boswell, que conseguiu acertar todas os 6 field goals tentados. Mesmo sem passes para touchdown, Ben Roethlisberger conseguiu acertar 20 de 31 passes para mais de 200 jardas. Antonio Brown, apesar da boa marcação recebida, conseguiu ultrapassar os três dígitos em jardas recebidas.

Do lado dos Chiefs, a defesa conseguiu segurar o ataque dos Steelers, impedindo touchdowns do chamado killer b’s (ou abelhas assassinas, em referência ao trio BBB – Ben, Bell e Brown – que em inglês, lembra a palavra bees, cuja tradução é abelhas). Além da defesa, Travis Kelce apareceu bem, com 77 jardas recebidas.

2017-01-15-nfl-playoffs-divisional-estatisticas-chiefs-16-x-steelers-18

Jogo

O primeiro tempo acabou com vitória dos Steelers, porém, com 4 field goals, enquanto os Chiefs só conseguiram um touchdown.

Logo na primeira campanha, os Steelers conseguiram seu primeiro field goal. Mesmo avançando até a linha de 4 jardas, Boswell entrou para um chute de 22 jardas (0-3).

A resposta dos Chiefs foi imediata. Boa campanha, em 3m29s, que teve um bom passe para Kelce, que conseguiu 21 jardas de avanço. Três jogadas depois, Smith acertou um passe para Albert Wilson (WR #12), que anotou um touchdown de 5 jardas (7-3).

Embed from Getty Images

Albert Wilson (WR #12) recebendo um passe que resultou em touchdown de 5 jardas para o Kansas City Chiefs.

Mais uma campanha dos Steelers, mais um field goal. Novamente, Pittsburgh chegou até a red zone (linha de 20 jardas), mas não conseguiu avançar. Destaque para o passe de para Brown, que conseguiu avanço de 52 jardas. Segundo chute de Boswell, agora, de 38 jardas (7-6).

Depois de forçar o punt dos Chiefs no fim do primeiro quarto, os Steelers conseguiram o terceiro field goal do jogo. Mais uma boa campanha, com avanço até a red zone (18 jardas), terminada em chute de Boswell. Não foi replay, mais um field goal de 36 jardas (7-9) para virar o jogo.

Aí veio um momento de turnovers no jogo. Primeiro com Smith, que em tentativa de passe sofreu pressão de Bud Dupree (OLB #48), que prejudicou o movimento do quarterback e Ryan Shazier (ILB #50) ficou com a bola. Então, os Steelers avançaram até a linha de 5 jardas e, em tentativa de passe para Brown, Eric Berry (SS #29) fez a interceptação, após o desvio de Frank Zombo (OLB #51), resultando em um touchback.

Embed from Getty Images

Ryan Shazier (ILB) comemorando a interceptação em tentativa de passe de Alex Smith (QB #11).

O segundo quarto ainda teve tempo para o quarto field goal dos Steelers. Em campanha longa (4m08s), que teve uma corrida de 17 jardas de Bell, mas acabou com o chute de 45 jardas de Boswell (7-12).

Apesar do terceiro quarto começar com os Chiefs, os Steelers forçaram um three and out, aproveitando para marcar na campanha seguinte. Mais uma vez, avanço até o campo de ataque (linha de 25 jardas), terminando com um field goal de Boswell. Dessa vez, chute de 43 jardas (7-15).

Embed from Getty Images
Chris Boswell (K #9) acertando o primeiro de seus seis field goals no no jogo, recorde em playoffs.

Antes do fim do terceiro quarto, os Chiefs conseguiram pontuar novamente, desde seu touchdown do primeiro quarto. Uma campanha rápida, 7 jogadas em 2m50s, graças à boa posição inicial de campo (46 jardas do campo de ataque) e ao excelente passe de Smith para Maclin de 20 jardas. Porém, após passe incompleto para Wilson, restou a Cairo Santos entrar para converter um field goal de 48 jardas (10-15).

O último quarto começou durante mais uma longa campanha dos Steelers. Depois de 10 jogadas em 5m21s, que teve dois bons passes de Big Ben, o primeiro para o calouro Eli Rodgers (WR #17 – 14 jardas) e o segundo para James (23 jardas), Boswell entrou para seu sexto field goal no jogo, em chute de 43 jardas (10-18). Após acertar o chute, Boswell  quebrou o recorde de field goals em um único jogo durante os playoffs.

Com 9m49s no relógio, os Chiefs receberam a bola e conseguiram uma longa campanha. Mais de 7 minutos de posse de bola, que teve uma conversão de 4a para 8, na linha de 38 jardas de Pittsburgh. Além de 3 passes de Smith que resultaram em avanços de mais de 10 jardas (Kelce – 24 jardas; Kelce – 17 jardas; e Chris Conley – WR #17 – 12 jardas). Depois de Anthony Sherman (FB #42) receber passe e avançar até a linha de 1 jarda, Ware correu essa jarda que faltava para o touchdown (16-18).

Embed from Getty Images

Spencer Ware (RB #32) comemorando seu touchdown com um "spike".

Por restar apenas 2m47s, os Chiefs optaram por uma tentativa de conversão de 2 pontos para tentar empatar o jogo. A tentativa seria bem sucedida, já que Smith acertou um passe para Demetrius Harris (TE #84) sozinho na end zone. Porém, um holding de Eric Fisher (T #72) em James Harrison (OLB #92), anulou a jogada e ainda fez Kansas City recuar 10 jardas. Na segunda tentativa, Smith não conseguiu conectar com Maclin.

Ao receber a bola, os Steelers conseguiram um first down em uma 3a para 3, na linha de 12 do próprio campo. Big Ben acertou um passe para Brown de 7 jardas. O first down garantiu a vitória de Pittsburgh, já que os Chiefs não tinham mais tempo para pedir. Formação da vitória, com Big Ben ajoelhando três vezes.

Com a vitória, os Steelers terão um jogo duro na final da AFC, contra o New England Patriots no Gillette Stadium.

Melhores Momentos

Anúncios