Na noite da última quinta-feira, o Thursday Night Football da semana 08 só teve um único time em campo, o Baltimore Ravens (4-4).Foi um verdadeiro massacre em cima do Miami Dolphins (4-3)!

Apesar da vantagem no fim do jogo, as duas defesas funcionaram muito bem, anulando os ataques adversários. Tanto que dois touchdowns dos Ravens foram conseguidos pela defesa, dois pick six!

No fim, 40 a 0 a favor dos Ravens, que conseguiu sua maior vitória na história sem sofrer pontos (shutout)! Segundo jogo dos Dolphins sem pontuar.

Além disso, a freguesia dos Ravens continua, já que o time não perde para os Dolphins desde 2007, quando sofreu sua única derrota! Agora, são 7 vitórias e 1 derrota no confronto.

Na próxima semana, os Ravens viajam para enfrentar o Tennessee Titans, enquanto os Dolphins recebem o Oakland Raiders no Sunday Night Football.

Estatísticas

Os Ravens demoraram para engrenar no jogo. Mas logo no primeiro quarto, Joe Flacco conseguiu seu único passe de touchdown. Flacco acabou substituído após receber um tackle de Kiko Alonso, ficar desorientado e abandonar o jogo com uma concussão. Ryan Mallett entrou em seu lugar, mas não conseguiu superar os números do titular.

Nos Dolphins, Matt Moore sofreu com a defesa adversária. No jogo inteiro, só conseguiu 176 jardas e acabou inteceptado por 2 vezes, com as duas sendo retornadas para touchdown.

Destaque ofensivo para Alex Collins, que correu para mais de 100 jardas e para o Belo touchdown de Jeremy Maclin, após passe de 34 jardas de Flacco. Justin Tucker também foi bem, apesar de ter um chute bloqueado

Em Miami, Kenny Stills conseguiu 65 jardas, enquanto os running backs ficaram não passara de 45 jardas. Cody Parkey ainda errou um field goal, que poderia reduzir o prejuízo.

TPFA - 2017-10-26 - TNF - Ravens 40 x Dolphins 00 - Estatisticas-01.png

Melhores Momentos

Assista aos melhores momentos entre Baltimore Ravens 40, Miami Dolphins 0.

Jogo

O primeiro quarto foi das defesas! Tanto que só houveram 5 first downs (3 de Baltimore contra 2 de Miami) e, com isso, apenas uma pontuação. Os Ravens conseguiram pontuar, enquanto os Dolphins puntearam por 4 vezes!

Os Ravens abriram o placar no primeiro quarto, em campanha favorecida pelo punt dos Dolphins, que de dentro da end zone, só conseguiu jogar a bola até a linha de 42 jardas do próprio campo. Após o retorno de 4 jardas, Flacco acertou dois passes, o primeiro para Watson, 4 jardas, e o segundo para o belo touchdown de 34 jardas de Maclin. Houve falta na jogada, mas foi do defensor dos Dolphins, Ryan Maualuga (OLB #58), que validou a jogada (7-0).

O Baltimore Ravens abriu o placar contra o Miami Dolphins nesse lindo passe de 34 jardas de Joe Flacco (QB #5) para Jeremy Maclin (WR #18).

Logo em sua primeira campanha no segundo quarto, os Ravens conseguiram ampliar o placar com um chutaço de Tucker! Field goal de 55 jardas para aumentar a vantagem para 10 a 0.

E, depois de mais um three and out dos Dolphins, Tucker voltou para colocar mais um field goal na conta! Agora, em chute de 48 jardas, para fazer 13 a 0 a favor dos Ravens.

Na sequência, os Dolphins tiveram a melhor campanha, até então, no jogo. Boa campanha de 9 jogadas, avançando 66 jardas até a linha de 32 do campo de ataque. Porém, Parkey errou a tentativa de field goal de 50 jardas.

Os Ravens aproveitaram o erro para ampliar novamente, dessa vez com um touchdown. A campanha teve três jogadas de excelentes avanços, porém, uma perda considerada para o Ravens. Primeiro, um passe curto para Maclin que conquistou 13 jardas, seguido de outro passe curto para Collins, conquistando 27 jardas.

Na jogada seguinte, Flacco correu 9 jardas e quando foi para o slide, levou um tackle de Alonso, ficou totalmente desorientado e abandonou o jogo, para entrar no protocolo de concussão. Na sequência, o quarterback reserva Ryan Mallett, em um play action, conseguiu um passe para o touchdown de Benjamim Watson (TE #82) de 2 jardas (20-0). Que passeio no primeiro tempo do jogo!

Ryan Mallett (QB #15), quarterback reserva do Baltimore Ravens, acerta o passe para o touchdown de Benjamim Watson (TE #82),

O segundo tempo não foi nada diferente do primeiro! Mais um domínio dos Ravens sobre os Dolphins. Apesar da defesa de Miami ter conseguido bloquear uma tentativa de field goal de 46 jardas Vincent Taylor (DE #96), o ataque pouco produziu.

E na sua melhor campanha no jogo, que começou no terceiro quarto, durou 3m44s, mas acabou no terceiro snap do último quarto. Em tentativa de Moore para Jarvis Landry (WR #14), C.J. Mosley (ILB #57) conseguiu um pick six, retornando para um touchdown de 63 jardas. Com o erro na tentativa de conversão de 2 pontos, os Ravens foram para 26 a 0.

E não era noite dos Dolphins! A campanha terminou em um turnover em downs, 4a para 6 na linha de 43 jardas do próprio campo, graças a um sack de Tyus Bowser (LB #54). O turnover resultou em mais um touchdown dos Ravens. O detalhe foi como ele aconteceu. Após o snap, Mallett sofreu fumble, a bola foi parar na end zone e foi recuperada por Chris Moore (WR #10). Touchdown de Baltimore, que fez 33 a 0.

 Touchdown de Chris Moore (WR #10), que recupreou a bola na end zone, após fumble de Ryan Mallett (QB #15).

E quando se acha que não tem como piorar, Moore cede outro pick six! Dessa vez, Jimmy Smith (CB #22) interceptou o quarterback e correu 50 jardas para a end zone!

Depois de mais um turnover em downs, Mallett ajoelhou por três vezes para garantir a vitória. Maior vitória por shutout na história dos Ravens, segundo sofrido pelos Dolphins.


 

Anúncios